BlogGuia de Turismo

O que saber antes de viajar para marrocos

 

Localizado na região do Magrebe, próximo de países como Portugal e Espanha, o Marrocos costuma ser uma das portas de entrada para quem deseja explorar o continente africano e o mundo árabe.

Visitar o Marrocos é uma experiência fantástica, porém exige um certo preparo. Se você sempre sonhou em conhecer o país, leia esse post até o fim e garanta uma viagem muito mais confortável.

Preciso de visto para entrar no Marrocos?

Brasileiros não precisam de visto para entrar no Marrocos, caso planejem ficar por lá menos de 90 dias.

Qual a língua falada no país?

O árabe é a língua oficial do Marrocos e a maioria da população (cerca de 85%) fala dialeto árabe-marroquino. No entanto, os marroquinos falam muito uma mistura fascinante de árabe e berbere.

Qual a moeda local?

A moeda oficial do Marrocos é o Dirham marroquino. Alguns lugares aceitam o Euro.

E eles aceitam cartão de crédito?

A maioria dos lugares aceita sim, no entanto, não podemos nos esquecer do IOF cobrado pela utilização do cartão de crédito internacional.

Seguro viagem é obrigatório para entrar no Marrocos?

O Marrocos é um país extremamente seguro e pacífico. E não, não é obrigatório, porém é muito arriscado que você viaje sem seguro viagem, seja para o Marrocos, seja para qualquer outro destino.

Devo seguir algum costume durante minha estada por lá?

Marrocos é um país com liberdade de costumes. Devido a uma longa história de tolerância e contato com o turismo, os marroquinos são bem mais relaxados em relação aos trajes dos turistas.

Religião

O islã é a religião oficial do Marrocos, no entanto, coexiste perfeitamente com outras religiões, pois a prática destas religiões é garantida pela Constituição. Todos os dias há cinco rezas.

Durante o mês de Ramadan os marroquinos jejuam e neste período a vida cotidiana e os horários dos serviços públicos mudam. Porém, para os visitantes não muçulmanos nada se altera significativamente, pois o comércio e restaurantes funcionam normalmente.

Atenção canhotos!

O uso da mão esquerda é designado para higiene pessoal. Portanto nunca dê um aperto de mão com a mão esquerda, hein? 🙂

Evidentemente deve-se manter o respeito pela prática da religião dos anfitriões. Alguns não muçulmanos chegam a praticar o Ramadan em respeito ao povo muçulmano.

Os marroquinos são proibidos pela religião muçulmana de beber qualquer tipo de álcool. Então oferecer-lhes bebida, principalmente em público, é totalmente desaconselhável. No entanto, isso não se aplica aos turistas, pois há diversos restaurantes que vendem bebidas alcoólicas.

Internet

Você encontrará wifi gratuito em hotéis, restaurantes, riads, cafés… mas também pode optar por comprar um chip local para ter acesso a internet o tempo todo no seu celular.

Alimentação

A produção dos alimentos no Marrocos é quase que exclusivamente local. Então você não verá muitos alimentos enlatados e/ou industrializados por lá. E isso é uma das coisas mais fascinantes nesse país. A comida chega até você sem qualquer tipo de processamento. Exatamente como nos velhos tempos: colhido e trazido para o seu prato. Ah! E existem vários pratos tradicionais que se adaptam para o vegetarianos!

Aproveite muito o sabor da culinária marroquina. Frutas, verduras e legumes também podem ser consumidos sem medo! Mas atenção: evite comer peixes em áreas fora das cidades costeiras. Como na maioria dos países, devemos beber água engarrafada. Apesar de muito segura e pura, a água no Marrocos não tem a mesma composição química que estamos acostumados.

No mais, não se pode esquecer remédios que, na minha opinião, são obrigatórios em qualquer viagem, como os para dor de cabeça, diarreia, febre, enjoos…

Existe alguma vacina obrigatória ou recomendada?

Não existe nenhuma vacina recomendada ou obrigatória para viajar para o Marrocos. Entretanto, como sugestão, sugiro se vacinar contra hepatite e tétano

Tomada e voltagem
A tensão no Marrocos é 220 Volts e as tomadas são dos tipos C e E, sempre sendo recomendado viajar com um adaptador universal encontrado aqui no Brasil em qualquer dessas lojas de bugigangas por me

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *