Cidades imperiais

Marrakech

Marrakesh, uma antiga cidade imperial situada no oeste de Marrocos, é um importante centro econômico e conta com mesquitas, palácios e jardins. A medina é uma cidade murada medieval movimentada que data do Império Berbere, com ruas labirínticas, onde souks (mercados) agitados vendem tecidos, cerâmica e joias tradicionais. O minarete mouro da Mesquita Cutubia, do século XII, é um símbolo da cidade e pode ser visto a milhas de distância.
Vendedores de comida ocupam a Djemaa el-Fna, uma ampla praça onde contadores de histórias e músicos fazem apresentações. O Museu de Marrakesh, situado em um antigo palácio, exibe objetos decorativos marroquinos, moedas e arte contemporânea. A Madraça Ben Youssef é um monumento islâmico ornamentado com azulejos zellige e cedro esculpido. Outros destaques são o Palácio da Bahia, com seu antigo e imenso harém, as monumentais ruínas do Palácio el Badi, do século XVI, e o mausoléu real dos Túmulos Saadianos. Perto da cidade antiga está localizado o moderno distrito de Ville Nouvelle, além de jardins de destaque como Agdal, Majorelle e Menara.
Quando visitar
Muitos viajantes optam por visitar na primavera (de abril a maio), quando o clima é quente e seco. As temperaturas podem chegar a altas extremas no meio do verão (de julho a agosto). O Festival de Arte Popular (julho) inclui música amazigh e apresentações de dança folclórica tradicional. A praça Djemaa el-Fna torna-se um cinema ao ar livre durante o Festival Internacional de Cinema de Marrakesh (novembro). O inverno (de dezembro a fevereiro) é ameno.
Os viajantes da sua área ficam habitualmente 3 a 5 dias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *